on Jacques Camatte  Cross-Language Index
Bibliography:  All the WritingsAll the EditionsSelected WorksInterviews and SpeechesGlossary
Also:  Recent Studies on CamatteNew MessagesAll the downloadable Translations
Going to the sources: Revue Invariance

Il CovileIl Covile

rivista aperiodica
diretta da
stefano borselli

risorse conviviali
e varia umanità
issn 2279–6924

Non rifiutare ma preferire (Nicolás Gómez Dávila)
La via del saggio è fare ma non contendere (Lao Tze)


Jacques Camatte

A obra de Jacques Camatte é cercada por uma autêntica conspiração do silêncio. É preciso dizer que, ao contrário de tantos outros teóricos revolucionários, ele não traiu, não se rendeu, não buscou reconhecimento público. ¶ Vindo de um marxismo heterodoxo, ele seguiu imperturbável seu caminho intransigente até hoje. ¶ Mas o mais imperdoável - como você verá ao ler os poucos textos cardeais que publicamos neste volume - é, sem dúvida, que ele descreveu com precisão, quase cinquenta anos atrás, o curso histórico fatal em que o capital e a civilização estavam arrastando a espécie humana. ¶ Há cinquenta anos viu a constituição da sociedade tecnológica em um monstruoso aparato que aprisionava o planeta, devastava toda a natureza, mediatizava todas as relações e a necessidade vital de abandonar tal mundo. ¶ Ele viu o vazio das subjetividades contemporâneas, a ansiedade que as impulsiona e a aspiração generalizada a uma verdadeira comunidade humana. ¶ É preciso ler Jacques Camatte, porque entender o processo histórico é uma das raras maneiras de não ficarmos tão loucos quanto os tempos que estamos passando.
(Do título do livro Errance de l'humanité, de Jacques Camatte, Éditions la Tempête, Bordeaux 2021.)

Todas as traduções para download em português

1969  Sobre Organização. As Gangues (dentro e fora do Estado) e o Estado como Gangue (De l’organisation (avec Gianni Collu)) in Biblioteca virtual revolucionária

1972  Revolução. (De la révolution) in Biblioteca virtual revolucionária

1973  Declínio do Modo de Produção Capitalista ou Declínio da Humanidade?. (Déclin du mode de production capitaliste ou déclin de l'humanité ?) in Biblioteca virtual revolucionária

1973  A Errância da Humanidade - Consciência Repressiva - Comunismo. (Errance de l’humanité. Conscience repressive. Communisme) in Biblioteca virtual revolucionária

 

 Avvertenza • Contatti • © • Privacy

Wehrlos, doch in nichts vernichtet
Inerme, ma in niente annientato
(Der christliche Epimetheus
Konrad Weiß)

 


Legenda:     = Translated by/Traduit par/Tradotto da; = Title of the text in the edition/Titre du texte dans l'édition/Titolo del testo nell'edizione; = Title-Date of original text/Titre-Date du texte original/Titolo-Data del testo originale; Download text/Télécharger le texte/Scaricare il testo; Book / Livre / Libro; Magazine/Revue/Rivista; Print editions/Éditions imprimées/Edizioni cartacee; Collections/Raccolte; Manifestos/Manifestes/Manifesti; Poems/Poèmes/Poesie; Website.


www.ilcovile.it